Notícias Semanais Debian (Debian Weekly News) - 17 de Maio de 2005

Bem vindo a vigésima edição deste ano da DWN, o periódico semanal para a comunidade Debian. Um artigo do MIT fala sobre o processo de desenvolvimento do Software Livre, sendo a base de um artigo no Groklaw que enfatiza a importância do Software Livre dado o seu potencial educacional. Observando o tráfego da lista debian-release, torna-se evidente que o Debian sarge será lançado em breve.

Autenticação por Senha Incosistente. Shaul Karl questionou a diferença entre um login desabilitado e uma senha desabilitada. Marc Haber explicou como isto funciona no ssh. Russ Allbery adicionou algumas notas sobre a opção UsePam. Brian May relatou mais coisas estranhas.

Misturando Conteúdo GNU GPL e FDL. Gueven Bay questionou se ele pode misturar conteúdos licenciados sob a GNU FDL e a GNU GPL. Anthony DeRobertis enfatizou que as licenças são incompatíveis. Seria necessário obter a permissão dos posuidores do copyright para distrbuir seu trabalho sob uma licença diferente.

Alioth em Mudança. Wichert Akkerman anunciou que o Alioth, encarnação Debian do GForge, será migrado para um servidor novo. Agora que o repositório AMD64 foi migrado para seu próprio servidor, haverá espaço em disco suficiente no novo host do Alioth. Após a migração, código fonte e páginas web estarão novamente no mesmo host, e alterações de senha não demorarão um dia para serem efetivadas.

Testes de Atualização. Steve Langasek pediu testes de atualização. É recomendado ler as notas de lançamento antes de atualizar, em particular o capítulo 4, "Atualizando a partir de versões ateriores". Andreas Barth preparou um modelo de relatório de atualização para facilitar o relatamento de problemas com as atualizações. Caso encontre problemas, por favor preencha-o e envie-o para submit@bugs.debian.org.

O Debian é Diferente. Anthony Awtrey deu uma olhada em como a distribuição Debian é desenvolvida. Ele notou que os processos de construção e distribuição das distribuições comerciais são fortemente trancados, enquanto o desenvolvimento do Debian é aberto e acessível livremente. Ele mencionou que, para algumas organizações, é vital que o processo seja visíviel, disponível e extensível.

Testes Automáticos de Pacotes. Lars Wirzenius escreveu suas idéias sobre testes automáticos para pacotes Debian. Estes incluem testar a funcionalidade do autor original com testes unitários e similares que deveriam ser adicionados ao fonte original. O teste de funcionalidade do pacote Debian deve ser feito em ferramentas como linda e lintian. Para teste de instalação e remoção uma ferramenta nova seria necessária.

Chamado por um BIOS Livre. Richard Stallman pediu suporte e ajuda para liberar o BIOS dos computadores. Antigamente, era impossível substituí-lo e rodar a partir de memória somente-leitura, mas atualmente ele é armazenado em memória escrevível não-volátil. Ele pediu a compra de chips de CPU de fabricantes que suportam uma BIOS livre. Tendo em vista o gerenciamento digital de restrições (DRM), torna-se ainda mais importante poder confiar no computador.

Atualizações de Segurança. Você sabe o que fazer. Certifique-se de atualizar seus sistemas caso tenha algum destes pacotes instalado.

Pacotes Novos ou Notáveis. Os seguintes pacotes foram adicionados ao repositório Debian instável recentemente ou contêm atualizações importantes.

Pacotes Removidos. 6 pacotes foram removidos do repositório Debian durante a última semana:

Quer continuar lendo a DWN? Ajude-nos a criar esse periódico. Nós ainda precisamos de mais escritores voluntários que investiguem a comunidade Debian e nos relatem sobre eventos que ocorrerem. Veja a página de contribuições para saber como ajudar. Nós estamos aguardando sua mensagem em dwn@debian.org.


Para receber este boletim semanalmente em sua caixa postal, inscreva-se na lista debian-news-portuguese (versão em Português Brasileiro). Para receber o boletim em inglês, inscreva-se na lista debian-news.

Edições anteriores deste boletim estão disponíveis.

Esta edição das Notícias Semanais Debian foi editada por Martin 'Joey' Schulze.
Ela foi traduzida por Gustavo R. Montesino.