Notícias Semanais Debian (Debian Weekly News) - 16 de Agosto de 2005

Bem vindo à trigésima terceira edição deste ano da DWN, o periódico semanal para a comunidade Debian. Hoje é o décimo segundo aniversário do Debian. Em 16 de agosto de 1993, Ian Murdock anunciou um novo tipo de distribuição e listou os objetivos que ele gostaria de alcançar. Ramakrishnan Muthukrishnan anunciou a primeira Conferência dos Desenvolvedores Debian de Bangalore, que ocorrerá dia 20 de Agosto em Bangalore, Índia.

Removendo Pacotes da Testing. Frank Lichtenheld explicou que os pacotes podem ser removidos da testing quando não estão em um estado lançável. Para levar estes pacotes de volta à testing, corrigir todos os bugs críticos ao lançamento relatados contra eles deve ser suficiente. Para a maioria das remoções, a informação está disponível no sistema de acompanhamento de pacotes.

Renomeação do Pacote Fonte do Kernel Linux. Andres Salomon sugeriu renomear os pacotes fonte do kernel Linux e propôs manter apenas uma versão 2.6 em um lançamento. Entretanto, a habilidade de voltar para uma versão anterior do kernel é valiosa. Para facilitar o serviço da equipe de segurança, o pacote fonte do kernel Linux agora chama-se linux-2.6, e o último pacote binário para o usuário final contendo o fonte chama-se linux-source-2.6.12.

Lidando com Bugs e o Autor Original. Wichert Akkerman mencionou que os mantenedores Debian sempre assumiram responsabilidade completa pelo seu trabalho dentro do Debian. Isto inclui lidar com relatórios de bugs que devem ser repassados para os autores. Eric Dorland respondeu que lidar com bugs no software original toma muito tempo da correção dos bugs no empacotamento Debian.

Suporte de Segurança para o AMD64. O projeto Debian anunciou o suporte ao porte amd64 estável com relação à segurança a partir de agora, apesar de os pacotes binários regulares residirem em um servidor externo. Esse porte ainda não é parte do repositório Debian, mas será incluído em breve na unstable/testing, depois que o serviço ftp-master for movido para sua localização final e a divisão dos espelhos for implementada.

Expulsão de Desenvolvedores Debian. Jörg Jaspert definiu o procedimento para a expulsão de desenvolvedores Debian, formalizando o processo e tornando-o mais transparente. Qualquer desenvolvedor Debian registrado pode propôr a exclusão de outro desenvolvedor do Projeto, mas precisa obter apoio de vários outros desenvolvedores. Um desenvolvedor expulso pode voltar através do processo de novos mantenedores, a não ser que um banimento perpétuo tenha sido decidido.

Debian Recebe Fundos. O projeto Debian anunciou que está sendo patrocinado pela LinuxFund com $ 500 por mês durante um ano inteiro. O dinheiro será usado prudentemente para continuar construindo o sistema operacional universal, melhorar a distribuição e disseminar o Software Livre. Branden Robinson enfatizou que isto ajudará o projeto a ser mais flexível e reativo ao lidar com falhas de hardware, e deve permitir um pouco mais de planejamento para o futuro.

Escopo do Debian Women. Hanna Wallach explicou que o sub-projeto Debian women (Debian mulheres) é sobre integrar as mulheres na comunidade de desenvolvimento do Debian. Ele também não é um projeto de ação afirmativa. Ela afirmou que a infraestrutura que compõe o desenvolvimento da distribuição é tecnicamente complexa, mas usar ferramentas mais simples significaria a segregação do Debian.

Patrocinando Encontros dos Desenvolvedores. Andreas Schuldei pediu para patrocinadores doarem locais, trabalho e dinheiro para encontros de desenvolvedores, que geralmente são muito eficientes com relação aos custos, além de produtivos. Em especial, problemas que precisam de discussões grupais e cooperação enfocada por períodos estendidos de tempo podem ser resolvidos melhor durante tais encontros.

Auto-aceitando Alterações de Soname. Torsten Landschoff propôs que pacotes novos de bibliotecas que combinem com um certo padrão (ou seja, contenham apenas versões de pacotes existentes com um soname novo) sejam aceitos automaticamente, apesar do nome do arquivo ser, tecnicamente, novo. Jörg Jaspert apresentou rapidamente um contra-exemplo, já que alguém enviou recentemente um pacote de biblioteca vazio. Gustavo Noronha Silva apontou, no entanto, que isto também pode acontecer em atualizações regulares.

Gutenprint no Sid. Roger Leigh relatou que o Gutenprint (nome novo do Gimp-Print) entrou na unstable, incluindo várias alterações. A atualização deve ser suave para a maioria das instalações, mas usuários do CUPS podem precisar instalar arquivos PPD novos, usuários LPRng podem ter problemas, um novo banco de dados foomatic é necessário e o patch STP do Ghostscript precisa ser remvido.

Atualizações de Segurança. Você sabe o que fazer. Certifique-se de atualizar seus sistemas caso tenha algum destes pacotes instalado.

Pacotes Novos ou Notáveis. Os seguintes pacotes foram adicionados ao repositório Debian instável recentemente ou contêm atualizações importantes.

Pacotes Órfãos. 2 pacotes tornaram-se órfãos nesta semana e precisam de novos mantenedores. Isto totaliza 180 pacotes órfãos. Muito obrigado aos mantenedores anteriores que contribuíram com a comunidade do Software Livre. Veja as páginas WNPP para a lista completa, e adicione uma nota ao relatório de erro, renomeando-o para ITA: caso pretenda adotar um pacote.

Pacotes Removidos. 5 pacotes foram removidos do repositório Debian durante a última semana:

Quer continuar lendo a DWN? Ajude-nos a criar esse periódico. Nós ainda precisamos de mais escritores voluntários que investiguem a comunidade Debian e nos relatem sobre eventos que ocorrerem. Veja a página de contribuições para saber como ajudar. Nós estamos aguardando sua mensagem em dwn@debian.org.


Para receber este boletim semanalmente em sua caixa postal, inscreva-se na lista debian-news-portuguese (versão em Português Brasileiro). Para receber o boletim em inglês, inscreva-se na lista debian-news.

Edições anteriores deste boletim estão disponíveis.

Esta edição das Notícias Semanais Debian foi editada por Alexandre Rossi e Martin 'Joey' Schulze.
Ela foi traduzida por Gustavo R. Montesino e Guilherme de S. Pastore.