5.1. Inicializando o Programa de Instalação na ARM

5.1.1. Inicialização através do TFTP

A inicialização através da rede requer que tenha uma conexão de rede e um servidor de inicialização TFTP (DHCP, RARP ou BOOTP).

O método de instalação para suportar a inicialização é descrito em Seção 4.3, “Preparando os arquivos para inicialização via rede usando TFTP”.

5.1.1.1. Inicialização através do TFTP no Netwinder

Os Netwinders tem duas placas de rede: uma placa 10Mbps NE2000-compatível (que normalmente é referenciada como sendo eth0) e a placa Tulip de 100Mbps. Podem ocorrer problemas carregando a imagem via TFTP usando a placa de 100Mbps, por isso é recomendado que você use a interface de 10Mbps (a que está identificada como 10 Base-T).

Nota

Você precisará do NeTTrom 2.2.1 ou superior para iniciar o programa de instalação e a versão 2.3.3 é recomendada. Infelizmente, os arquivos de firmware não estão disponíveis para download no momento por problemas de licenciamento. Se esta situação mudar, você poderá encontrar novas imagens em ftp://ftp.netwinder.org/pub/netwinder/firmware/.

Quando você inicializar seu Netwinder você terá que interromper o processo de inicialização durante a contagem regressiva. Isto permite que você defina um conjunto de configurações do firmware necessárias para inicializar o instalador. Antes de tudo, inicie carregando as configurações padrão:

    NeTTrom command-> load-defaults

Na seqüência, você deve configurar a rede, com um endereço estático:

    NeTTrom command-> setenv netconfig_eth0 flash
    NeTTrom command-> setenv eth0_ip 192.168.0.10/24

onde 24 é o número de conjunto de bits de sua máscara de rede, ou um endereço dinâmico:

    NeTTrom command-> setenv netconfig_eth0 dhcp

Pode ser que você também precise configurar route1 se o servidor TFTP não está na sua rede local. Após estas configurações, você tem que especificar o servidor TFTP e o local da imagem. Você pode então gravar estas configurações na memória flash.

    NeTTrom command-> setenv kerntftpserver 192.168.0.1
    NeTTrom command-> setenv kerntftpfile boot.img
    NeTTrom command-> save-all

Agora você tem que dizer para o firmware que a imagem TFTP deve ser inicializada:

    NeTTrom command-> setenv kernconfig tftp
    NeTTrom command-> setenv rootdev /dev/ram

Se você usa um console serial para instalar seu Netwinder, você precisa adicionar a seguinte configuração:

    NeTTrom command-> setenv cmdappend root=/dev/ram console=ttyS0,115200

Como alternativa, para instalações usando um teclado e monitor, você tem que configurar:

    NeTTrom command-> setenv cmdappend root=/dev/ram

Você pode usar o comando printenv para revisar suas configurações de ambiente. Após ter verificado que as configurações estão corretas, você pode carregar a imagem:

    NeTTrom command-> boot

Caso você tenha quaisquer problemas, um HOWTO detalhado está disponível.

5.1.1.2. Inicialização através do TFTP no CATS

Em sistemas CATS, use boot de0: ou similar no aviso de comando Cyclone.

5.1.2. Inicializando através de um CD-ROM

O caminho mais fácil para a maioria das pessoas é usar um conjunto de CDs da Debian. Se tiver um conjunto de CDs e se sua máquina suportar a inicialização diretamente através de CD, ótimo! Simplesmente insira seu CD, reinicie e prossiga até o próximo capítulo.

Note que algumas unidades de CD podem requerer controladores especiais e assim estarão inacessíveis nos primeiros estágios da instalação. Caso o método padrão de inicializar através de um CD não funcionar para seu hardware, revisite este capítulo e leia sobre kernels alternativos e métodos de instalação que podem funcionar para você.

Até mesmo se não puder inicializar a partir de um CD-ROM, você provavelmente poderá instalar o sistema Debian e seus componentes e qualquer pacote que procura pelo CD-ROM. Simplesmente inicialize usando outra mídia, como disquetes. Quando chegar a hora de instalar o sistema operacional, sistema básico e quaisquer pacotes adicionais, aponte o sistema de instalação para a unidade de CD-ROM.

Se tiver problemas durante a inicialização, veja Seção 5.3, “Problemas e Processo de Instalação”.

Para inicializar um CD-ROM através do aviso de comando do Cyclone, use a sintaxe boot cd0:cats.bin

5.1.3. Inicializando a partir do Firmware

Existe um crescente número de dispositivos para consumidores que são iniciados diretamente a partir de um chip flash presente no dispositivo. O instalador pode ser copiado para o flash. Assim ele será iniciado automaticamente quando você reiniciar suas máquinas.

Nota

Em muitos casos, a troca do firmware de um dispositivo embutido viola sua garantia. Às vezes também não é possível recuperar o dispositivo caso existam problemas durante o processo de “flashing”. Por conseqüência, por favor tome cuidado e siga os passos com precisão.

5.1.3.1. Inicializando o NSLU2

Há três maneiras de colocar o firmware do instalador na memória flash:

5.1.3.1.1. Usando a interface web do NSLU2

Vá até a seção de administração e escolha o item Upgrade do menu. Você pode então navegar no seu disco em busca da imagem do instalador que você baixou previamente. Então pressione o botão Start Upgrade, confirme, aguarde alguns minutos e confirme novamente. O sistema irá inicializar direto no instalador.

5.1.3.1.2. Através da rede usando Linux/Unix

Você pode usar upslug2 a partir de qualquer máquina Linux ou Unix para atualizar a máquina via rede. Este software está empacotado para o Debian. Primeiro, você tem que colocar seu NSLU2 em modo upgrade:

  1. Desconecte quaisquer discos e/ou dispositivos das portas USB.

  2. Desligue o NSLU2

  3. Aperte e segure o botão de reset (acessível através de um pequeno buraco na parte traseira acima da entrada de energia).

  4. Aperte e solte o botão de liga/desliga para ligar o NSLU2.

  5. Aguarde 10 segundos olhando os LEDs ready/status. Após 10 segundos ele irá mudar de âmbar para vermelho. Imediatamente solte o botão de reset.

  6. O LED ready/status do NSLU2 vai piscar alternadamente vermelho/verde (há um atraso de um segundo antes do primeiro verde). O NSLU2 agora está no modo upgrade.

Veja as páginas NSLU2-Linux se você teve problemas com este procedimento. Uma vez que seu NSLU2 está no modo upgrade, você pode gravar a nova imagem:

sudo upslug2 -i di-nslu2.bin

Note que a ferramenta também mostra o endereço MAC do seu NSLU2, o que pode tornar-se útil para configurar o seu servidor DHCP. Após a imagem completa ter sido gravada e verificada, o sistema irá automaticamente reiniciar. Tenha certeza que conectou seu disco USB novamente, caso contrário o instalador não será capaz encontrá-lo.

5.1.3.1.3. Através da rede usando Windows

Há umaferramenta para Windows para atualizar o firmware via rede.