7.1. O momento da verdade

A primeira inicialização do seu sistema é o que os engenheiros elétricos chamam de “teste de fumaça”.

Se o sistema não inicia corretamente, não entre em pânico. Se a instalação foi feita com sucesso, as chances são boas de que há apenas um problema relativamente pequeno impedindo o sistema de inicializar o Debian. Na maioria dos casos, tais problemas podem ser consertados sem ter que repetir a instalação. Uma opção disponível para corrigir problemas de inicialização é usar o modo de recuperação que já vem com o instalador (veja Seção 8.7, “Recuperando um Sistema Quebrado”).

Se você é novo no Debian e no Linux, você pode precisar de algumas ajuda de usuários mais experientes. Para arquiteturas menos comuns como PowerPC, sua melhor opção é perguntar na lista de discussão debian-powerpc (em inglês). Você também pode enviar um relatório de instalação conforme descrito em Seção 5.3.6, “Enviando Relatórios de Instalação”. Por favor, tenha certeza de que você descreve seu problema claramente e inclui quaisquer mensagem que são exibidas e que podem ajudar outros a diagnosticar o problema.

7.1.1. PowerMacs OldWorld

Caso a máquina falhe ao tentar inicializar após completar a instalação e pare com um aviso boot:, tente digitar Linux seguido de Enter. (A configuração padrão de partida em quik.conf é chamada Linux). As identificações definidas no quik.conf serão mostradas caso a tecla Tab seja pressionada no aviso boot:. Você pode também tentar voltar ao programa de instalação e editando o /target/etc/quik.conf colocado ali pelo passo Instalar o Quik no Disco Rígido. As dicas para se trabalhar com o quik estão disponíveis em http://penguinppc.org/projects/quik/.

Para inicializar novamente no MacOS sem precisar reiniciar a nvram, digite bye no aviso da OpenFirmware (assumindo que o MacOS ainda não foi removido da máquina). Para obter um aviso de comando do OpenFirmware, pressione a combinação de teclas command-option-o-f enquanto faz uma reinicialização pesada na máquina. Se precisar resetar a OpenFirmware para o padrão do MacOS para inicializar de volta no MacOS, pressione a combinação de teclas command-option-p-r enquanto reinicia de forma pesada a máquina.

Caso usar o BootX para inicializar no sistema de instalação, apenas selecione o kernel desejado na pasta Linux Kernels, desmarque a opção ramdisk e adicione um dispositivo raiz correspondendo a sua instalação; e.g. /dev/hda8.

7.1.2. PowerMacs NewWorld

Em máquinas G4 e Ibooks, você poderá manter pressionada a tecla option e obter uma tela gráfica com um botão para cada sistema operacional inicializável, a Debian GNU/Linux será um botão com um ícone de pingüim pequeno.

Se manter o MacOS e em algum ponto ele alterar a variável boot-device do OpenFirmware, você deverá resetar o OpenFirmware para sua configuração padrão. Para fazer isto mantenha pressionada a combinação de teclas command-option-p-r enquanto reinicia de forma pesada a máquina.

As identificações definidas no arquivo yaboot.conf serão mostradas se pressionar a tecla Tab no aviso de comando boot:.

Se resetar a OpenFirmware no G3 e G4, fará com que ele inicialize na Debian GNU/Linux por padrão (se você particionou e colocou a partição Apple_Bootstrap primeiro). Se tiver a Debian GNU/Linux em um disco SCSI e o MacOS em um disco IDE, isto poderá não funcionar e você terá que entrar no OpenFirmware e ajustar a variável boot-device, o ybin normalmente faz isto automaticamente.

Após inicializar na Debian GNU/Linux pela primeira vez, você poderá adicionar qualquer opção adicional que desejar (tais como opções de dupla inicialização) no arquivo /etc/yaboot.conf e executar o ybin para atualizar sua partição de inicialização com a configuração modificada. Por favor, leia o yaboot HOWTO para mais detalhes.