Guia de Instalação do Debian GNU/Linux

Este manual é software livre; você poderá redistribuí-lo e/ou modificá-lo sob os termos da Licença Pública Geral GNU (“GNU General Public License”). Por favor, veja a licença em Apêndice F, Licença Pública Geral GNU.

Resumo

Este documento contém instruções de instalação do sistema Debian GNU/Linux 5.0 (codinome “lenny”), para a arquitetura Intel x86 (“i386”). Ele também contém referências para mais informações e informações sobre como obter maior proveito de seu novo sistema Debian.

Nota

Embora este guia de instalação para i386 está bastante atualizado, nós planejamos fazer algumas mudanças e reorganizar partes do manual após o lançamento oficial da lenny. Uma nova versão deste manual pode ser encontrada na Internet na página web do debian-installer. Você também poderá encontrar traduções adicionais lá.

A Equipe de Tradução que trabalhou neste manual pode ser contatada através da lista . A tradução da “GNU GPL” presente neste manual foi retirada do site da “FSF”, http://www.gnu.org/licenses/translations.html e pode ser encontrada em http://www.magnux.org/doc/GPL-pt_BR.txt.


Índice

Instalando o Debian GNU/Linux 5.0 em i386
1. Bem vindo ao Debian
1.1. O que é o Debian?
1.2. O que é GNU/Linux?
1.3. O que é o Debian GNU/Linux?
1.4. Obtendo o Debian
1.5. Obtendo novas versões deste documento
1.6. Organização Deste Documento
1.7. Sobre direitos reservados e licenças de software
2. Requerimentos de Sistema
2.1. Hardwares Suportados
2.1.1. Arquiteturas Suportadas
2.1.2. CPU, placas mãe e suporte a placas de vídeo
2.1.3. Notebooks
2.1.4. Múltiplos Processadores
2.1.5. Suporte a placas de vídeo
2.1.6. Placas de rede
2.1.7. Suporte a periféricos e outros hardwares
2.2. Dispositivos que requerem firmware
2.3. Comprando Hardwares específicos para GNU/Linux
2.3.1. Evite Hardwares Proprietários ou Fechados
2.3.2. Hardwares específicos para Windows
2.4. Mídias de Instalação
2.4.1. CD-ROM/DVD-ROM
2.4.2. Disco Rígido
2.4.3. Memória Stick USB
2.4.4. Rede
2.4.5. Sistema GNU ou *ix
2.4.6. Sistemas de Armazenamento Suportados
2.5. Requerimentos de Memória e Espaço em Disco
3. Antes de instalar a Debian GNU/Linux
3.1. Visão do processo de instalação
3.2. Faça backup dos seus dados existentes!
3.3. Informações que precisa saber
3.3.1. Documentação
3.3.2. Encontrando Fontes de Informações de Hardware
3.3.3. Compatibilidade de Hardware
3.3.4. Configurações de Rede
3.4. Atingindo os requerimentos mínimos de hardware
3.5. Pre-Particionamento para sistemas com Multi-Inicialização
3.5.1. Particionamento através do DOS ou Windows
3.6. Pré-Instalação do hardware e configuração do sistema operacional
3.6.1. Invocando o menu de configuração da BIOS
3.6.2. Seleção do dispositivo de inicialização
3.6.3. Configurações diversas da BIOS
3.6.4. Assuntos relacionados ao hardware que tem em mãos
4. Obtendo a mídia de instalação do sistema
4.1. Conjunto oficial de CD-ROMs do Debian GNU/Linux
4.2. Baixando arquivos através de espelhos (mirrors) da Debian
4.2.1. Onde encontrar as imagens de instalação
4.3. Preparando os arquivos para a inicialização usando um memory stick USB
4.3.1. Copiando os arquivos — o método fácil
4.3.2. Copiando os arquivos — o método flexível
4.3.3. Inicialização através do pendrive USB
4.4. Preparando arquivos para a inicialização através do disco rígido
4.4.1. Iniciando o programa de instalação via disco rígido usando o LILO ou o GRUB
4.5. Preparando os arquivos para inicialização via rede usando TFTP
4.5.1. Configurando um servidor BOOTP
4.5.2. Configurando um servidor DHCP
4.5.3. Ativando o servidor TFTP
4.5.4. Movendo as imagens TFTP para o Local
4.6. Instalação automática
4.6.1. Instalação automática usando o programa de instalação da Debian
5. Iniciando o sistema de instalação
5.1. Inicializando o Programa de Instalação na Intel x86
5.1.1. Inicialização através de um CD-ROM
5.1.2. Inicialização através do Windows
5.1.3. Inicialização através do Linux usando o LILO ou GRUB
5.1.4. Inicialização através de “memory stick” USB
5.1.5. Inicialização usando o TFTP
5.1.6. A Tela de Inicialização
5.2. Parâmetros de Inicialização
5.2.1. Parâmetros da instalação da Debian
5.3. Resolvendo Problemas no Processo de Instalação
5.3.1. Confiança no CD-ROM
5.3.2. Configuração da Inicialização
5.3.3. Problemas comuns de instalação na Intel x86
5.3.4. Interpretando as Mensagens de Inicialização do Kernel
5.3.5. Relatando Problemas na Instalação
5.3.6. Enviando Relatórios de Instalação
6. Usando o Debian Installer
6.1. Como o programa de instalação Funciona
6.2. Introdução aos componentes
6.3. Usando os componentes individuais
6.3.1. Configurando o programa de instalação da Debian e configuração de hardware
6.3.2. Particionamento e seleção do ponto de montagem
6.3.3. Instalando o sistema básico
6.3.4. Configurando Usuários e Senhas
6.3.5. Instalando Programas Adicionais
6.3.6. Tornando seu sistema inicializável
6.3.7. Finalizando a Instalação
6.3.8. Diversos
6.4. Carregando firmwares
6.4.1. Preparando uma mídia
6.4.2. Firmware e o sistema instalado
7. Inicializando em seu novo sistema Debian
7.1. O momento da verdade
7.2. Montando volumes criptografados
7.2.1. dm-crypt
7.2.2. loop-AES
7.2.3. Resolução de Problemas (“Troubleshooting”)
7.3. Entrando no Sistema
8. Próximos Passos e Para Onde Ir a Partir de Agora
8.1. Desligando o sistema
8.2. Caso seja novo no Unix
8.3. Se orientando no Debian
8.3.1. Sistema de Empacotamento da Debian
8.3.2. Gerenciamento de Versões de Aplicativos
8.3.3. Gerenciamento de Tarefas do Cron
8.4. Leituras futuras e informações
8.5. Configurando Seu Sistema para Usar E-Mail
8.5.1. Configuração de E-Mail Padrão
8.5.2. Enviando E-Mail para Fora do Sistema
8.5.3. Configurando o Exim4 Mail Transport Agent
8.6. Compilando um novo Kernel
8.6.1. Gerenciamento da imagem do kernel
8.7. Recuperando um Sistema Quebrado
A. Howto de Instalação
A.1. Preliminares
A.2. Iniciando o programa de instalação
A.2.1. CDROM
A.2.2. Memory stick USB/Pen drive
A.2.3. Inicializando através da rede
A.2.4. Inicializando através do disco rígido
A.3. Instalação
A.4. Enviando um relatório de instalação
A.5. E finalmente…
B. Automatizando a instalação usando pré-configuração
B.1. Introdução
B.1.1. Métodos de pré-configuração
B.1.2. Limitações
B.2. Usando pré-configuração
B.2.1. Carregando o arquivo de pré-configuração
B.2.2. Usando parâmetros de inicialização para pré-configurar questões
B.2.3. Modo auto
B.2.4. Apelidos úteis para pré-configuração
B.2.5. Usando um servidor DHCP para especificar arquivos de pré-configuração
B.3. Criando um arquivo de pré-configuração
B.4. Conteúdo do arquivo de pré-configuração (para lenny)
B.4.1. Localização
B.4.2. Configuração de rede
B.4.3. Console de rede
B.4.4. Definição do espelho
B.4.5. Configuração de relógio e fuso horário
B.4.6. Particionando
B.4.7. Particionando usando RAID
B.4.8. Instalação do sistema básico
B.4.9. Configurar contas
B.4.10. Configuração do apt
B.4.11. Seleção de pacotes
B.4.12. Instalação do carregador de inicialização
B.4.13. Finalizando a instalação
B.4.14. Pré-configurando outros pacotes
B.5. Opções avançadas
B.5.1. Execuntando comandos personalizados durante a instalação
B.5.2. Usando a pré-configuração para mudar valores padrão
B.5.3. Carregando arquivos de pré-configuração em cadeia
C. Particionamento para a Debian
C.1. Decidindo o tamanho de partições na Debian
C.2. A árvore de diretórios
C.3. Esquema de particionamento recomendado
C.4. Nomes de dispositivos no Linux
C.5. Programas de particionamento da Debian
C.5.1. Particionamento para Intel x86
D. Algumas Considerações
D.1. Dispositivos do Linux
D.1.1. Configurando seu Mouse
D.2. Espaço em Disco Necessário para as Tarefas (tasks)
D.3. Instalando a Debian GNU/Linux a partir de um sistema Unix/Linux
D.3.1. Iniciando
D.3.2. Instalar o debootstrap
D.3.3. Executando o debootstrap
D.3.4. Configurando o Sistema Básico
D.3.5. Instalar um Kernel
D.3.6. Configurando seu Gerenciador de Inicialização
D.3.7. Toques finais
D.4. Instalando Debian GNU/Linux por Linha IP Paralela (PLIP)
D.4.1. Requisitos
D.4.2. Configurando a origem
D.4.3. Instalando o alvo
D.5. Instalando Debian GNU/Linux usando PPP sobre Ethernet (PPPoE)
D.6. O Instalador Gráfico
D.6.1. Usando o instalador gráfico
D.6.2. Problemas conhecidos
E. Considerações Finais
E.1. Sobre Este Documento
E.2. Contribuindo com Este Documento
E.3. Grandes Contribuições
E.4. Reconhecimento de Marcas Registradas
F. Licença Pública Geral GNU

Lista de Tabelas

3.1. Informação de Hardware Necessárias para uma Instalação
3.2. Requerimento mínimo recomendado do sistema