5.1. Iniciar o Instalador em ARM

5.1.1. Iniciar com TFTP

Iniciar pela rede, requer que tenha uma ligação de rede configurada e um servidor de arranque de rede TFTP (DHCP, RARP ou BOOTP).

O método de instalação para suportar o arranque pela rede é descrito na Secção 4.3, “Preparar Ficheiros para arranque pela Rede via TFTP”.

5.1.1.1. Iniciar a partir de TFTP em NetWinder

NetWinders têm duas interfaces de rede: a placa compatível com NE2000 de 10Mbps é eth0 e a placa Tulip de 100Mbps é eth1.

Nota

Necessita do NeTTrom 2.2.1 ou posterior para arrancar o sistema de instalação. recomendado o NeTTrom 2.3.3: pode conseguir estes ficheiros em ftp://ftp.netwinder.org/pub/netwinder/firmware/

  • nettrom-2.3-3.armv4l.rpm

  • nettrom-2.3.3.bin

  • nettrom-2.3.3.bin.md5sum

Após reiniciar e interromper o processo de arranque durante a contagem decrescente, terá de primeiro configurar a rede ou com um endereço estático:

    NeTTrom command-> setenv eth0_ip 192.168.0.10/24

onde 24 é o número do conjunto de bits na máscara de rede, ou com um endereço dinâmico:

        NeTTrom command-> boot diskless

Poderá também ser necessário configurar as definições da route1 se o servidor de TFTP não estiver na sub-rede local. O resto da configuração é standard (o passo save-all é opcional):

    NeTTrom command-> setenv kerntftpserver 192.168.0.1
    NeTTrom command-> setenv kerntftpfile tftpboot.img
    NeTTrom command-> save-all
    NeTTrom command-> setenv netconfig_eth0 flash
    NeTTrom command-> setenv kernconfig tftp
    NeTTrom command-> setenv rootdev /dev/ram
    NeTTrom command-> setenv cmdappend root=/dev/ram

Apenas as duas últimas destas interfaces estão com um arranque normal pelo disco, portanto é seguro fazer o save-all imediatamente antes disso, o que irá guardar as definições da rede para o caso de ser necessário arrancar pela rede novamente. Use o comando printenv para rever as suas definições de ambiente. Finalmente, se a sua variável cmdappend NeTTrom tem a opção noinitrd (o que é necessário para arrancar kernels 2.4), deverá remove-la, para que o kernel retirado na internet possa iniciar juntamente com a sua ramdisk.

5.1.1.2. Iniciar a partir de TFTP em CATS

Em máquinas CATS, use o comando boot de0: ou similar na prompt Cyclone.

5.1.2. Iniciar a partir de CD-ROM

O melhor caminho para a maioria das pessoas será usar um conjunto de CDs Debian. Se tem um conjunto de CDs, e se a sua máquina suporta arranque directamente a partir do CD, fantástico! Simplesmente insira o seu CD, reinicie, e proceda para o próximo capítulo.

Note que determinadas drives de CD podem necessitar de drivers especiais, e portanto estarem inacessíveis nas fases iniciais da instalação. Se se verificar que a maneira comum de iniciar a partir do CD não funciona no seu hardware, visite novamente este capítulo e leia sobre métodos alternativos para instalar e kernels alternativos que poderão funcionar consigo.

Mesmo se não conseguir iniciar a partir do CD-ROM, poderá provavelmente instalar os componentes do Debian e qualquer pacote que deseje a partir do CD-ROM. Simplesmente arranque utilizando uma media diferente, tal como disquetes. Quanto for altura de instalar o sistema operativo, sistema base, e qualquer pacote adicional, aponte o sistema de instalação para a drive de CD-ROM.

Se tiver problemas com o arranque, veja a Secção 5.3, “Diagnosticar Problemas no Processo de Instalação”.

Para iniciar de um CD-ROM a partir da prompt da consola Cyclone, use o comando boot cd0:cats.bin