A.2. Iniciar o instalador

A equipa do cd-debian fornece configurações das imagens de CD utilizando debian-installer na página Debian GNU/Linux em CDs. Para mais informações em onde adquirir CDs, visite a Secção 4.1, “Conjuntos Oficiais de CD-ROMs Debian GNU/Linux”.

Alguns métodos de instalação requerem outras imagens para além das de CD. A Secção 4.2.1, “Onde Encontrar Imagens de Instalação” explica como encontrar imagens nos Debian mirrors.

As subsecções abaixo irão dar os detalhes sobre qual das imagens deverá utilizar para cada possível meio de instalação.

A.2.1. CDROM

Existem duas imagens de CD para 'netinst' diferentes que podem ser utilizadas para instalar squeeze com debian-installer. Estas imagens servem para iniciar a partir de CD e instalar pacotes adicionais a partir da rede, daí o nome 'netinst'. A diferença entre as duas imagens é que na imagem completa 'netinst' são incluídos os pacotes base, e na imagem business card tem de fazer download destes. Se preferir, pode adquirir uma imagem completa do CD que não precisará de rede para a instalação. Irá precisar apenas do primeiro CD do conjunto de CDs.

Faça o download do tipo que preferir e grave para um CD. Para arrancar um PowerMac a partir de CD, pressione a tecla c enquanto o sistema arranca. Visite Secção 5.1.1, “Arrancar a partir de CD-ROM” para outras formas de arrancar a partir de CD.

A.2.2. Disquete

Se não consegue arrancar a partir de CD, pode efectuar o download das imagens de disquete para instalar o Debian. Precisa de floppy/boot.img, de floppy/root.img e um ou mais discos de drivers.

A disquete de arranque é a que tem boot.img. Quando iniciar com esta disquete, ser-lhe-á dada a indicação para inserir a segunda disquete — utilize a que tem root.img.

Se planeia fazer a instalação através da rede, precisará de floppy/net-drivers.img. Para rede através de PCMCIA ou USB, e algumas placas de rede menos usuais, também irá necessitar de uma segunda disquete de drivers, floppy/net-drivers-2.img.

Se tem o CD, mas não consegue iniciar a partir dele, então inicie a partir de disquetes e utilize floppy/cd-drivers.img num disco de drivers para completar a instalação utilizando o CD.

As disquetes são um dos meios de menos confiança existentes, prepare-se portanto para muitas más imagens de disquete (visite a Secção 5.4.2, “Disquetes de confiança”). Cada ficheiro .img para download cabe numa única disquete; poderá utilizar o comando dd para escrever para /dev/fd0 ou alguns outros meios (visite a Secção 4.3, “Criar Disquetes a partir de Imagens de Disco” para detalhes). Dado que irá ficar com mais que uma disquete, é uma boa ideia etiquetá-las.

A.2.3. Iniciar a partir da rede

É também possível iniciar o debian-installer totalmente a partir da rede. Os vários métodos para netboot dependem da arquitectura e da configuração de netboot. Os ficheiros em netboot/ podem ser utilizados para netboot debian-installer.

A.2.4. Iniciar de disco rígido

É possível iniciar o instalador sem utilizar dispositivos amovíveis, mas apenas com o disco rígido existente, que poderá ter um sistema operativo diferente. Faça o download de hd-media/initrd.gz, hd-media/vmlinuz, e uma imagem de CD Debian para o directório raiz do seu disco rígido. Certifique-se que a imagem de CD tem um ficheiro cujo o nome termine em .iso. Agora é só uma questão de iniciar o linux com o initrd.