2.4. Meios de Instalação

Esta secção irá ajudá-lo a determinar que diferentes tipos de suporte pode utilizar para instalar Debian. Existe um capítulo inteiro dedicado aos suportes, Capítulo 4, Obter o Meio de Instalação do Sistema, que lista as vantagens e desvantagens de cada tipo de suporte. Pode desejar voltar a esta página assim que alcançar essa secção.

2.4.1. CD-ROM/DVD-ROM

Nota

Cada vez que vir CD-ROM neste manual, aplica-se tanto a CD-ROMs como a DVD-ROMs, porque ambas as tecnologias, do ponto de vista do sistema operativo, são o mesmo.

As instalações baseadas em CD-ROM são suportadas na maioria das arquitecturas.

São suportados CD-ROMs SATA, IDE/ATAPI e SCSI em PCs.

As drives de CD-ROM USB também são suportadas, assim como os dispositivos FireWire que são suportados pelos drivers ohci1394 e sbp2.

2.4.2. USB Memory Stick

Os discos flash USB, também conhecidos como pens USB, tornaram-se comuns e vulgarmente utilizados assim como dispositivos de armazenamento baratos. A maioria dos computadores modernos também permite arrancar o debian-installer a partir dessas pens. Muitos sistemas de computadores modernos, em particular os netbooks e portáteis leves, já não têm leitores de CD/DVD e por isso arrancar de media USB é a forma standard de instalar neles um novo sistema operativo.

2.4.3. Rede

A rede pode ser utilizada durante a instalação para obter os ficheiros necessários para a instalação. Se a rede é utilizada ou não depende do método de instalação que escolher e das suas respostas a certas questões que lhe serão colocadas durante a instalação. O sistema de instalação suporta a maioria de tipos de ligação de rede (incluindo PPPoE, mas não ISDN (RDIS) ou PPP), através de HTTP ou FTP. Depois da instalação estar completada, pode também configurar o seu sistema para utilizar ISDN (RDIS) e PPP.

Também pode arrancar o sistema de instalação a partir de rede sem necessitar de media local tal como CDs/DVDs ou pens USB. Se já tiver disponível uma infra-estrura de arranque pela rede (i.e. já corre os serviços DHCP e TFTP na sua rede), isto permite uma instalação rápida e fácil de um largo número de máquinas. Instalar a infra-estrutura necessária requer um certo nível de experiência técnica, por isso não é recomendado a novos utilizadores.

A instalação sem recurso a disco, utilizando arranque de rede numa rede local e montando todos os sistemas de ficheiros locais em NFS é outra opção.

2.4.4. Disco Rígido

Arrancar o sistema de instalação directamente do disco rígido é outra opção para muitas arquitecturas. Isto irá necessitar que outro sistema operativo carregue o instalador para o disco rígido. Este método é recomendado apenas para casos especiais quando não estiver disponível outro método de instalação.

2.4.5. Un*x ou sistema GNU

Se estiver a correr outro sistema de tipo UNIX, você pode utilizá-lo para instalar Debian GNU/Linux sem utilizar o debian-installer descrito no resto deste manual. Este tipo de instalação pode ser útil para utilizadores com hardware que não seja suportado de outra forma ou em sistemas que não se podem dar ao luxo de estarem em baixo. Se estiver interessado nesta técnica, salte para Secção D.3, “Instalar Debian GNU/Linux a partir de um sistema Unix/Linux”. Este método de instalação é apenas recomendado para utilizadores experientes que não tenham disponível outro método de instalação.

2.4.6. Sistemas de Armazenamento Suportados

O instalador Debian contém um kernel que é construído para maximizar o número de sistemas onde corre.

Normalmente, o sistema de instalação de Debian inclui suporte para drives IDE (também conhecido como PATA), controladores e drives SATA e SCSI, USB e FireWire. Os sistemas de ficheiros suportados incluem FAT, extensões Win-32 de FAT (VFAT) e NTFS.