7.1. O Momento da Verdade

A primeira inicialização do seu sistema no seu todo é o que os engenheiros eléctricos chamam de teste de fumo.

Se o sistema não arrancar correctamente, não entre em pânico. Se a instalação teve sucesso, são boas as hipóteses em que apenas exista um problema relativamente menor que evite o seu sistema arranque com Debian. Na maioria dos casos tais problemas são corrigidos sem ter de repetir a instalação. Uma opção disponível para corrigir problemas de arranque é utilizar o modo de recuperação do instalador (veja Secção 8.7, “Recuperar um Sistema Estragado”).

Se é novo em Debian e Linux, pode necessitar de alguma ajuda de utilizadores mais experientes. Para arquitecturas menos usuais como PowerPC, a sua melhor opção é perguntar na mailing list debian-powerpc. Pode também arquivar um relatório de instalação tal como é descrito em Secção 5.4.6, “Submeter Relatórios de Instalação”. Por favor assegure-se que descreve o problema de forma clara e inclua quaisquer mensagens que sejam mostradas que possam ajudar outros a diagnosticar o problema.

7.1.1. OldWorld PowerMacs

Se a máquina falhar ao iniciar após a instalação estar completa, e parar com o prompt boot:, tente escrever Linux seguido de Enter. (A configuração de inicialização padrão no quik.conf está definido como Linux). As definições no quik.conf serão apresentadas se pressionar a tecla Tab quando aparecer boot:. Pode tentar iniciar de novo para o instalador, e editar o /target/etc/quik.conf colocado pelo item Install Quik on a Hard Disk. Mais documentação sobre o quik encontra-se disponível em http://penguinppc.org/projects/quik/.

Para iniciar o MacOS sem reinicializar a nvram, escreva bye no OpenFirmware (assume-se que o MacOS não foi retirado da máquina). Para obter o OpenFirmware, pressione as teclas command+option+o+f enquanto reinicia a máquina. Se precisar de reinicializar a nvram do OpenFirmware para o MacOS por omissão para que possa iniciar directamente em MacOS, pressione as teclas command+option+p+r enquanto reinicia a máquina.

Se utiliza o BootX para iniciar para o sistema instalado, seleccione apenas o kernel pretendido no directório Linux Kernels, desseleccionando a opção ramdisk, e adicionando o dispositivo de raiz correspondente à sua instalação; p.e. /dev/hda8.

7.1.2. NewWorld PowerMacs

Nas máquinas G4 e iBooks, pode pressionar a tecla option e obter um ecrã gráfico com um botão para cada um dos SO que podem arrancar, o Debian GNU/Linux será um botão com um icon contendo um pequeno pinguim.

Se ficou com o MacOS e este alterou a variável do OpenFirmware boot-device deverá reinicializar o OpenFirmware para a sua configuração padrão. Para fazer esta operação pressione as teclas command+option+p+r enquanto reinicia a máquina.

As definições no yaboot.conf serão apresentadas se pressionar a tecla Tab no prompt boot:.

Reinicializar o OpenFirmware no hardware G3 ou G4 irá fazer com que o Debian GNU/Linux inicie por defeito (caso tenha particionado correctamente e colocado a partição Apple_Bootstrap em primeiro lugar). Se tiver o Debian GNU/Linux num disco SCSI e o MacOS num disco IDE esta operação pode não funcionar e terá que entrar no OpenFirmware e definir a variável boot-device, normalmente o ybin efectua esta operação automaticamente.

Após iniciar o Debian GNU/Linux pela primeira vez poderá adicionar qualquer opção adicional que desejar (tal como opções de duplo arranque) ao /etc/yaboot.conf e correr o ybin para actualizar a partição de arranque com a configuração modificada. Para mais informação por favor leia o yaboot HOWTO.