[ anterior ] [ Índice ] [ 1 ] [ 2 ] [ 3 ] [ 4 ] [ 5 ] [ 6 ] [ 7 ] [ 8 ] [ 9 ] [ 10 ] [ 11 ] [ 12 ] [ próximo ]

Instalando Debian GNU/Linux 3.0 para Alpha
Capítulo 11 - Apêndice


11.1 Informações Úteis


11.1.1 Informações Úteis

Uma fonte geral de informações no Linux é Projeto de Documentação do Linux. Lá você encontrará todos os HOWTOs e ponteiros para outras grandes informações valiosas do sistema GNU/Linux.


11.2 Obtendo a Debian GNU/Linux


11.2.1 Conjunto Oficial de CDS da Debian GNU/Linux

Se você deseja comprar um conjunto de CDs para instalar o sistema Debian GNU/Linux a partir de um CDROM, veja a página de vendedores de CD. Neste endereço você obterá uma lista de endereços que vendem a Debian GNU/Linux em CD-ROMs. A lista é organizada por país e desta forma você não terá problemas para encontrar um próximo de você.


11.2.2 Mirrors da Debian

Caso você resida fora dos EUA e deseja copiar os pacotes da Debian, você pode também usar um dos muitos dos mirrors que residem fora dos EUA. Uma lista de países e mirrors podem ser encontradas em Site do servidor FTP da Debian.


11.2.3 Descrição dos Arquivos de Instalação do Sistema

Esta seção contém uma lista anotada de arquivos que encontrará no diretório disks-alpha. que arquivos você precisará copiar dependem da opção inicial de inicialização e mídia de instalação do sistema operacional que escolheu.

Muitos dos arquivos são imagens de disquetes; isto é, um arquivo simples que pode ser gravado em um disco para criar os arquivos necessários em um disquete. Estas imagens de disco são, obviamente, dependente do tamanho do disquete alvo. Por exemplo, um disquete de 1.44MB é a quantidade normal de dados que cabe em um disquete padrão de 3.5 polegadas. Somente este tamanho de disquetes é suportado em sua arquitetura. As imagens para os disquetes de 1.44MB podem ser encontradas no diretório images-1.44.

Se estiver usando um navegador em um computador de rede para ler este documento, você poderá copiar os arquivos selecionando seus nomes no navegador. Dependendo do seu navegador você poderá precisar realizar uma ação especial para copiar diretamente para um arquivo no modo raw binário. Por exemplo, no Netscape você precisará segurar a tecla Shift enquanto clica na URL que deseja copiar o arquivo. Os arquivos podem ser copiados das URLs neste documento que estão dentro do diretório do servidor .../current/, ou você pode copia-los via ftp de ftp://ftp.debian.org/debian/dists/woody/main/disks-alpha/current/. Você também pode usar o diretório correspondente de qualquer um dos Sites de mirror da Debian.


11.2.3.1 Arquivos para partida inicial do sistema


11.2.3.1.1 Imagens do disquete de inicialização:

Estas são as imagens de disco "Disquete de Inicialização". O disquete de inicialização é usado para a configuração inicial e para emergências, tal como quando seu sistema não inicia por alguma razão. No entanto é recomendado que grave uma imagem de disco para o disquete até mesmo se não estiver usando os disquetes para a instalação.

Selecione a imagem de disquetes para sua sub-arquitetura selecionada, como indicado emn CPU, Placas Mãe e Suporte a Vídeo, Secção 2.1.2.


11.2.3.1.2 Imagem(ns) do disquete Raíz:

Este arquivo contém uma imagem de sistema de arquivos temporário que é carregado na memória quando inicializa a partir do disquete de inicialização. Este método é usado por instalação a partir de CD-ROM, disco rígido e disquetes.


11.2.3.1.3 Imagens de inicialização do TFTP

Imagens de inicialização usadas para inicialização via rede, veja Preparando arquivos para inicialização TFTP via rede, Secção 4.4. Geralmente, elas contém o kernel do Linux e o sistema de arquivos raíz root.bin.


11.2.3.2 Arquivos do Kernel do Linux

Esta é a imagem do kernel do Linux que será usada para instalações via disco rígido. Você não precisara delas se estiver instalando a partir de disquetes.


11.2.3.3 Arquivos de Controladores

Estes arquivos contém os módulos do kernel, ou controladores para todos os tipos de hardwares que não são necessários para a instalação inicial. Conseguir os controladores que deseja é um processo feito em dois passos: primeiro você deve identificar um arquivo de drivers que deseja utilizar e então selecionar que controladores em particular você deseja.

O disquete de arquivo de drivers não é usado até que o disco rígido seja reparticionado e o kernel instalado. Se precisar de um controlador em particular para a inicialização, para sua sub-arquitetura ou para acessar o disco rígido, escolha um kernel com os controladores necessários compilados e forneça os argumentos corretos de inicialização. Por favor veja: Argumentos de Inicialização, Secção 5.3.

Lembre-se que seu arquivo e controladores deve ser consistente com sua escolha inicial do kernel.


11.2.3.3.1 Imagens do disquete de drivers:

11.2.3.3.2 Arquivo de Controladores de Disquetes

Se não estiver limitado a disquetes, escolha um destes arquivos.


11.2.3.4 Arquivos de Instalação do Sistema Básico da Debian

Estes arquivos são necessários somente para computadores sem uma conexão de rede ou com hardwares de rede não suportados. Eles contém os programas necessários para construir um sistema operacional GNU/Linux praticamente básico. O conteúdo destes arquivos freqüentemente pode ser obtido automaticamente pelo instalador através de uma conexão de rede.


11.2.3.4.1 Tarball do arquivo do sistema básico

Se não estiver limitado a disquetes, escolha este arquivo.


11.3 Dispositivos do Linux

O Linux possui diversos arquivos especiais em /dev. Estes arquivos são chamados de arquivos de dispositivos. O acesso a hardwares no mundo Unix é diferente. Nele você tem um arquivo especial, e um controlador que faz acesso ao hardware através deste dispositivo. O arquivo de dispositivo é uma interface para o hardware. Os arquivos sob /dev também se parecem diferente de arquivos normais. Estão listados abaixo os arquivos de dispositivos mais comuns.

     fd0	Primeira Unidade de Disquetes
     fd1	Segunda Unidade de Disquetes
     hda	IDE Disco Rígido / CD-ROM na primeira porta IDE (Principal)
     hdb	IDE Disco Rígido / CD-ROM na primeira porta IDE (Escravo)
     hdc	IDE Disco Rígido / CD-ROM na segunda porta IDE (Principal)
     hdd	IDE Disco Rígido / CD-ROM na segunda porta IDE (Escravo)
     hda1	Primeira partição no primeiro disco rígido IDE
     hdd15	Décima Quinta partição no quarto disco IDE
     sda	Disco rígido SCSI com a SCSI ID mais baixa (e.g. 0)
     sdb	Disco rígido SCSI com a próxima SCSI ID (e.g. 1)
     sdc	Disco rígido SCSI com a próxima SCSI ID (e.g. 2)
     sda1	Primeira partição do primeiro disco rígido SCSI
     sdd10	Décima partição do quarto disco rígido SCSI
     sr0     CD-ROM SCSI com o SCSI ID mais baixo
     sr1     CD-ROM SCSI com o SCSI ID mais alto
     ttyS0    Porta serial 0, COM1 sob o DOS
     ttyS1    Porta serial 1, COM2 sob o DOS
     psaux    Dispositivo de mouse PS/2
     gpmdata  Pseudo dispositivo, dados repetidos do daemon GPM (mouse)
     cdrom	Link simbólico para a unidade de CD-ROM
     mouse	Link simbólico para o arquivo de dispositivo de mouse
     null	tudo que for direcionado a este dispositivo será eliminado
     zero	somente zeros podem ser lidos deste dispositivo

11.3.1 Configurando seu Mouse

O mouse pode ser usado em ambos no console do Linux (com o gpm) e no ambiente X window. Os dois podem ser compatíveis caso o repetidor do gpm for usado para permitir que o sinal chegue ao servidor X, como mostrado:

     mouse => /dev/psaux  => gpm => /dev/gpmdata -> /dev/mouse => X
              /dev/ttyS0             (repetir)        (link simbólico)
              /dev/ttyS1

Ajuste o protocolo de repetição para ser raw (no /etc/gpm.conf) enquanto ajusta o X para o protocolo original do mouse no arquivo /etc/X11/XF86Config ou /etc/X11/XF86Config-4.

Esta técnica de usar o gpm até mesmo no X é vantajosa quando o mouse for retirado inadvertidamente. Apenas reinicie o gpm com

     user@debian:# /etc/init.d/gpm restart

E reconecte o mouse sem reiniciar o X.

Se o gpm for desativado ou não for instalado por alguma razão, certifique-se de ajustar o X para ler diretamente através de um dispositivo de mouse como o /dev/psaux. Para maiores detalhes, veja o 3-Button Mouse mini-Howto em /usr/share/doc/HOWTO/en-txt/mini/3-Button-Mouse.gz, man gpm, /usr/share/doc/gpm/FAQ.gz, e README.mouse.


11.4 Espaço em disco requerido para as tarefas

A instalação básica do Woody no computador do autor requer 117MB. O tamanho instalado de todos os pacotes padrões foi 123MB, com um tamanho de download de 38MB; assim foram necessário 278MB de espaço pra instalar os pacotes básicos e padrões.

Os seguintes tamanhos de tabelas retornados pelo aptitude (um programa muito belo) para as tarefas listadas no tasksel. O sistema que mostramos já possui todos os pacotes padrões instalados. Note que algumas tarefas tem pacotes existentes em outras, assim o tamanho total instalado para duas tarefas juntas pode ser menor que o total obtido adicionando os pacotes.

     Tarefa                           Tamanho     Tamanho   Espaço necessário
                                    instalado    Download   para a instalação
     
     desktop environment                 345        118         463
     X window system                      78         36         114
     games                                49         14          63
     Debian Jr.                          340        124         464
     dialup system                        28          8          36
     laptop system                         3          1           4
     scientific applications             110         30         140
     
     C and C++                            32         15          47
     Python                              103         30         133
     Tcl/Tk                               37         11          48
     fortran                              10          4          14
     
     file server                           1          -           1
     mail server                           4          3           7
     usenet news server                    6          2           8
     print server                         48         18          66
     conventional unix server             55         19          74
     web server                            4          1           5
     
     TeX/LaTeX environment               171         64         235
     
     simplified Chinese environment       80         29         109
     traditional Chinese environment     166         68         234
     Cyrillic environment                 29         13          42
     French environment                   60         18          78
     German environment                   31          9          40
     Japanese environment                110         53         163
     Korean environment                  178         72         250
     Polish environment                   58         27          85
     Russian environment                  12          6          18
     Spanish environment                  15          4          19

11.5 Efeitos do Verbose e Quit

Estes são os efeitos do argumento de inicialização verbose para o Woody:

Estes são os efeitos do argumento de inicialização quiet na Woody:


[ anterior ] [ Índice ] [ 1 ] [ 2 ] [ 3 ] [ 4 ] [ 5 ] [ 6 ] [ 7 ] [ 8 ] [ 9 ] [ 10 ] [ 11 ] [ 12 ] [ próximo ]

Instalando Debian GNU/Linux 3.0 para Alpha

versão 3.0.24, 18 December, 2002

Bruce Perens
Sven Rudolph
Igor Grobman
James Treacy
Adam Di Carlo