[ anterior ] [ Índice ] [ 1 ] [ 2 ] [ 3 ] [ 4 ] [ 5 ] [ 6 ] [ 7 ] [ 8 ] [ 9 ] [ 10 ] [ 11 ] [ 12 ] [ próximo ]

Instalando Debian GNU/Linux 3.0 para Mipsel
Capítulo 7 - Instalando o Kernel e o Sistema Operacional Básico


7.1 ``Instalar o Kernel e os Módulos''

O próximo passo será instalar o kernel e seus módulos em seu novo sistema.

Será-lhe mostrado um menu de dispositivos de onde poderá instalar o kernel e uma opção de instalar usando a rede. Você pode usar qualquer dispositivo disponível, não está restrito a utilizar a mesma mídia que usou para a montagem (veja Obtendo a Mídia de Instalação do Sistema, Capítulo 4).

Note que as opções mostradas variam conforme o hardware que o dbootstrap detectar. Se estiver instalando através de um CD-ROM oficial, o programa deve fazer as coisas certas automaticamente, a não ser perguntar-lhe pelo dispositivo a partir do qual instalar (a não ser que você inicialize com o argumento verbose). Quando perguntado pelo CD-ROM, certifique-se de inserir o primeiro CD-ROM na unidade.

Se estiver instalando através de um sistema de arquivos local, você terá duas opções. Selecione ``hard disk'' (disco rígido) se a partição ainda não está montada; selecione ``mounted'' (montada) se estiver. Em ambos os casos, o sistema procurará primeiro por alguns arquivos em dists/woody/main/disks-mipsel/current. Se não encontrar estes arquivos, será pedido que você selecione ``Selecione o caminho do Repositório Debian'' — este é o diretório dentro do disco onde você colocou os arquivos de instalação requeridos. Se você tiver os arquivos da Debian em um mirror local, pode apontar para o diretório onde eles estão, que é freqüentemente /archive/debian. Tais arquivos são caracterizados por estruturas de diretórios tais como debian/dists/woody/main/disks-mipsel/current. Você pode digitar o caminho manualmente, ou usar o botão <...> para navegar na árvore do sistema de arquivos.

Continuando a discussão da instalação através de um disco local ou mídia similar (tal como NFS), você será perguntado em seguida pelo diretório atual contendo os arquivos necessários (que podem ser baseados em sua arquitetura). Note que o sistema pode ser um pouco insistente que os arquivos apareçam na localização indicada, incluindo os subdiretórios se existirem. Veja os logs em tty3 (veja Usando o Interpretador de Comandos e visualizando os Logs, Secção 5.6.1) onde o dbootstrap registrará a localização dos arquivos que estiver procurando.

Se a opção ``standard'' (padrão) aparecer, então você deve usá-la. Caso contrário, tente a opção ``list'' (lista) para deixar o dbootstrap tentar encontrar os arquivos atuais por si próprio (mas repare que isto pode ser muito demorado se estiver montando através de NFS). Como último recurso, use a opção ``manual'' para especificar o diretório manualmente.

Se você está instalando a partir de disquetes, será preciso colocar o disquete de resgate (que provavelmente está na unidade de disquetes), seguido dos disquetes de drivers.

Se você deseja instalar o kernel e módulos através da rede, pode fazer isto usando as opções ``network'' (rede) (HTTP) ou ``NFS''. Sua placa de rede deve ser suportada pelo kernel padrão (veja Periféricos e Outros Hardwares, Secção 2.5). Se a opção ``NFS'' não aparecer, você precisará selecionar ``Cancelar'', e então voltar e selecionar o passo ``Configurar a Rede'' ( veja ``Configurar a Rede'', Secção 7.4). Então re-execute este passo.


7.1.1 NFS

Selecione a opção ``NFS'', e então passe ao dbootstrap o nome de seu servidor NFS e caminho. Considerando que você colocou as imagens do disquete de resgate e dos disquetes de drivers no servidor NFS na localização apropriada, esses arquivos devem estar disponíveis a você para instalar o kernel e módulos. O sistema de arquivos NFS será montado sob /instmnt. Selecione a localização dos arquivos como em ``hard disk'' (disco rígido) ou ``mounted'' (montada).


7.2 Network

Selecione a opção ``network'' (rede), e então passe ao dbootstrap a URL e caminho dos arquivos do Debian. O padrão normalmente funcionará bem, e em todo caso, a parte do caminho está provavelmente correta para qualquer mirror Oficial do Debian, até mesmo se você editar a parte do servidor. Você pode optar por obter os arquivos através de um servidor proxy; apenas entre com o servidor ... esta frase não está finalizada... .


7.2.1 NFS Root

Se você está instalando em uma estação sem disco, deve ter configurado sua rede como descrito em ``Configurar a Rede'', Secção 7.4. Escolha a opção para instalar o kernel e módulos através do NFS. Prossiga usando a opção ``NFS'' como descrito acima.

Pode ser necessário realizar outros passos para outras mídias de instalação.


7.3 ``Configurar os Módulos dos Controladores de Dispositivos''

Selecione o item de menu ``Configurar os Módulos dos Controladores de Dispositivos'' para configurar os controladores de dispositivos, isto é, módulos do kernel.

Você será primeiro perguntado se gostaria de carregar módulos adicionais do kernel de um disquete disponibilizado por um fornecedor. Muitos podem pular este passo, já que isso só é útil se houver alguns módulos proprietários ou não padrões que são requeridos por seu hardware (por exemplo, para uma controladora SCSI específica). Será feita uma busca por módulos nos disquetes em localizações tais como /lib/modules/misc (onde misc pode ser qualquer seção de módulo do kernel padrão. Quaisquer arquivos serão copiados para o disco em que você está instalando, assim eles podem ser configurados no próximo passo.

A seguir, o programa modconf será executado, que é um programa simples que mostra a seção dos módulos do kernel e permite-lhe seguir passo a passo entre as diversas seções, procurando por módulos que deseja instalar.

Nós recomendamos que você somente selecione módulos de dispositivos que são requeridos pelo processo de instalação e que ainda não foram detectados pelo kernel. Muitas pessoas não precisam selecionar nenhum módulo do kernel.

Por exemplo, pode ser necessário carregar explicitamente o controlador de uma placa de rede da seção net, um controlador SCSI na seção scsi, ou um controlador de cdrom proprietário na seção cdrom. Os dispositivos que selecionar serão carregados automaticamente assim que o seu sistema inicializar.

Alguns módulos podem pedir parâmetros. Para ver quais parâmetros são relevantes, você terá que consultar a documentação daquele driver do kernel.

Em qualquer ponto após o sistema estar instalado, você pode reconfigurar seus módulos usando o programa modconf.


7.4 ``Configurar a Rede''

Se o sistema de instalação não detectar que você tem um dispositivo de rede disponível, será-lhe apresentada a opção ``Escolher o Nome do Computador''. Até mesmo se você não tiver uma rede, ou se sua conexão de rede inicia e termina dinamicamente (por exemplo, usa dialup) sua máquina deverá ter um nome para se identificar.

Se o sistema de instalação detectar um dispositivo de rede, será-lhe apresentado o passo ``Configurar a Rede''. Se o sistema não lhe permitir executar este passo, isto significa que ele não pode encontrar nenhum dispositivo de rede presente. Se você tiver um dispositivo de rede, significa que você provavelmente esqueceu de configurar o dispositivo anteriormente em (``Configurar os Módulos dos Controladores de Dispositivos'', Secção 7.3). Retorne a esse passo e procure pelo dispositivo na seção net.

Assim que entrar no passo ``Configurar a Rede'', se o sistema detectar que você tem mais que um dispositivo de rede, será-lhe perguntado por quais dispositivos que deseja configurar. Você pode somente configurar um. Após a instalação você pode configurar interfaces adicionais — veja a seção interfaces(5) na página de manual.

Em seguida, o dbootstrap perguntará a você se deseja usar um servidor DHCP ou BOOTP para configurar sua rede. Se você puder, você deve dizer ``Sim'', pois isso lhe permitirá avançar todo o restante da próxima seção. Felizmente você deve ver a resposta ``A rede foi configurada com sucesso via DHCP/BOOTP.''. Pule para o passo ``Instalar o Sistema Básico'', Secção 7.5. Se a configuração falhar, verifique seus cabos e as mensagens de logs no tty3, ou então tente novamente configurando manualmente a rede.

Para realizar a configuração manual da rede, o dbootstrap perguntará algumas questões sobre sua rede; preencha as respostas de Informação de que você precisará, Secção 3.3. O sistema também fará um resumo de sua configuração de rede e pedirá sua confirmação. A seguir, você precisará especificar os dispositivos de rede que sua conexão primária de rede usa. Normalmente, ela será ``eth0'' (o primeiro dispositivo Ethernet).

Pode ser necessário, ou talvez não, que tenha em mãos alguns detalhes técnicos: o programa assume que o endereço IP da rede é a lógica AND bit-a-bit entre seu endereço IP e sua máscara de rede. Ele considerará que o endereço de broadcast é a lógica OR bit-a-bit entre o endereço IP do sistema e uma negação bit-a-bit da netmask. Ele também considerará que o gateway de seu sistema é também seu servidor DNS. Se você não encontrar nenhuma destas respostas, use as suposições do sistema — você pode alterá-los após o sistema estar instalado, se necessário, editando /etc/network/interfaces. Alternativamente, você pode instalar o pacote etherconf, que guiará passo a passo a configuração de sua rede.


7.5 ``Instalar o Sistema Básico''

O próximo passo é instalar o sistema básico. O sistema básico é um conjunto mínimo de pacotes que oferece um sistema funcional básico. Ocupa em torno de 70MB de espaço.

Durante o passo ``Instalar o Sistema Básico'', se não estiver instalando através de um CD-ROM, será-lhe mostrado um menu de dispositivos através dos quais poderá instalar o sistema básico. Você deve selecionar a mídia de instalação apropriada. Se estiver instalando através de um CD-ROM oficial, será-lhe pedido que insira o CD.

Se você estiver instalando o sistema básico através da rede, note que alguns passos podem levar um tempo significativo, e o progresso pode não ser evidente. Particularmente, a obtenção inicial de Packages.gz, e as instalações da base e pacotes essenciais pode parecer estar parada; dê-lhes um tempo extra. Você pode usar df -h no console 2 para certificar-se de que o conteúdo de seu disco ainda está mudando.

Entretanto, se a instalação parar quando estiver obtendo um arquivo chamado Release, você pode considerar que seu arquivo de rede não foi encontrado, ou há um problema com ele.

Se você estiver instalando o sistema básico a partir de seu disco rígido, simplesmente aponte o instalador para a localização em disco de basedebs.tar, similar ao procedimento para instalar o kernel e os módulos.


[ anterior ] [ Índice ] [ 1 ] [ 2 ] [ 3 ] [ 4 ] [ 5 ] [ 6 ] [ 7 ] [ 8 ] [ 9 ] [ 10 ] [ 11 ] [ 12 ] [ próximo ]

Instalando Debian GNU/Linux 3.0 para Mipsel

versão 3.0.24, 18 December, 2002

Bruce Perens
Sven Rudolph
Igor Grobman
James Treacy
Adam Di Carlo