Negociação de Conteúdo

Como o Servidor Sabe Qual Arquivo Servir

Você irá perceber que os links internos não terminam em .html. Isto ocorre porque o servidor usa a negociação de conteúdo para decidir qual versão do documento será entregue. Quando houver mais de uma escolha, o servidor fará uma lista de todos os arquivos que podem ser servidos; por exemplo, se o pedido for por 'about', a lista de possibilidades pode ser about.en.html e about.de.html. O padrão para o servidor Debian é servir o documento em inglês, mas pode ser alterado.

Se um cliente tivesse a variável correta configurada para servir alemão, por exemplo, o arquivo about.de.html seria enviado. Uma característica boa deste sistema é que se o idioma desejado não estiver disponível, um idioma diferente será enviado em seu lugar (esperamos que este seja melhor do que nada). A decisão de qual documento será servido é um pouco confusa, assim ao invés de descrevê-la aqui você deve ver a resposta definitiva em http://httpd.apache.org/docs/content-negotiation.html caso tenha interesse.

Como muitos usuários não irão sequer saber da existência da negociação de conteúdo, há links no final de cada página apontando diretamente para as versões daquela página em cada um dos outros idiomas disponíveis. Estes links são computados por um script perl chamado pelo wml quando a página é gerada.